Doe Agora

BUSCA:

 

Comportamento - Cães


Compreender melhor é vital para educar o cão a conviver em sociedade.



No Brasil, a resposta para problemas comportamentais de cães costuma ser o abandono. Isso é muito preocupante, pois, diferentemente de outros países, ainda não cultivamos uma “cultura do adestramento”.

 

Sob uma perspectiva moderna e de respeito aos animais, adestrar não quer dizer ensinar truques ou peripécias que contrariam os instintos e as aptidões de cada espécie, mas sim ensinar, educar o cão a conviver em sociedade – isso mesmo! Estamos todos juntos no mundo, e tanto humanos quanto “não humanos” podem e devem ser preparados para uma melhor convivência.


Filhotes são mais simples de serem ensinados. Entre o primeiro e o quarto mês de vida, o filhote desenvolve todas as capacidades sensoriais, motoras e de aprendizado que terá na fase adulta. Por isso é tão importante criar laços de afeto. Brinque muito com ele e, nas brincadeiras, estimule-o a assimilar aprendizados básicos.

 

Animais adultos também aprendem coisas novas, mas da mesma maneira que um homem de 60 anos pode demorar mais do que um adolescente para dominar novidades tecnológicas, também os cães mais idosos podem ser menos ágeis que os filhotes para absorverem novas lições. Ensiná-los, e principalmente, erradicar maus hábitos, requer paciência, carinho e uma boa dose de técnica.

 

 

 

 

 

 








Cadastre-se e receba informações da ARCA:

NOME:

E-MAIL:








Reprodução de conteúdos
Estimulamos a reprodução de nossos conteúdos, desde que na íntegra, com créditos para a ong, ao autor (quando houver) e link para o site da ARCA notificando para arcabrasil@arcabrasil.org.br Edições de texto devem ser previamente consultadas. Não é permitida a reprodução de fotos.